domingo, 25 de fevereiro de 2018

HARRASSMENT, OR NOT HARRASSMENT: THAT IS THE QUESTION

.
.
Há coisas bem mais importantes que a maior parte das queixas de assédio sexual de algumas mulheres. 
Denunciar assédio é que está a dar: faz "cacha" nos media e dá "estatuto". Algumas das queixosas, suspeito, bem que gostariam de ser assediadas. Muitos casos são graves e merecem repressão rigorosa; mas quando se trata de mera bazófia, devia ter consequências, pois é um mau serviço que se presta a quem o sofre e a quem o combate.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário