segunda-feira, 30 de julho de 2018

OS MENTIROSOS, OS COXOS E OS CEGOS QUE NÃO QUEREM VER

---.
O presidente da Associação Lisbonense de Proprietários, Menezes Leitão, acusa Ricardo Robles de querer promover a actividade de alojamento local no seu polémico prédio em Alfama. Ao i, Menezes Leitão diz que “só isso é que explica a utilização de um prédio que está dividido em apartamentos entre 20 a 40 metros quadrados”. O responsável vai mais longe, garantindo que “ninguém está a pensar em fazer um contrato de longa duração num apartamento com uma tipologia tão pequena”. […]

[…] A verdade é que o prédio em Alfama do vereador do Bloco de Esquerda e da irmã, comprado por 347 mil euros e posto à venda por 5,7 milhões era descrito no anúncio da Christie’s como o investimento ideal para “short term rental”, ou seja, alojamento local. [,,,]
 
-
-                      

Sem comentários:

Publicar um comentário