terça-feira, 17 de agosto de 2010

546 MILHÕES: DEMOS GRAÇAS

.
O governo publicou alterações ao Orçamento do Estado para 2010. E que alterações são essas? Diminuição da despesa????... Valha-me Santa Bárbara, tal era bom, mas seria milagre!!!... O governo aumentou a despesa pública em 546 milhões de euros, sendo 94,5 milhões para os próprios ministérios e 451,5 para os serviços e fundos autónomos desses ministérios: os famosos institutos públicos de que há um em cada esquina – nalguns casos dois, um em cima do outro. Ninguém percebe porque existem, se excluirmos a função de dar emprego aos amigos, e constituem uma das criações mais geniais da Democracia que nos rege, pela Graça de Deus. Por causa dessas criações, foi o Dr. Armando Vara corrido do governo pelo saudoso gestor de pântanos Eng. Guterres, a mando do saudoso Presidente Jorge Sampaio, a quem pareceram excessivas as habilidades financeiras do janota.
E estamos com sorte, no dizer do Ministério das Finanças; porque este ano o aumento foi quatro vezes menor do que em 2009! Podia ter sido pior, na verdade. Demos graças ao governo porque abrandou a corrida para o abismo. Vamos a caminho, mas levará mais umas semanas até lá.
Pela minha parte, muito obrigado Senhor Ministro das Finanças pela frugalidade imposta por V.Exa aos institutos públicos.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário