sexta-feira, 20 de abril de 2018

AGRADECIDO PELO QUE ME TOCA

.

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) realizou uma acção inspectiva a nível nacional que ocorreu na quinta-feira e incidiu sobre cabeleireiros, entre outros sectores com benefícios do "e-Fatura”, sectores que permitem a dedução em sede de IRS de 15% do IVA suportado até um limite de 250 euros por agregado familiar.
Por mim, acho excelente que se discipline o sector dos cabeleireiros — ... sobretudo esse!
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário