sábado, 27 de abril de 2019

SABIA DISTO?!!!

---
[…] O sindicalismo enquadrado nas duas centrais tem vindo a perder terreno, em número de filiados e em capacidade de mobilização, e tanto a CGTP como a UGT sabem disso, embora prefiram escamoteá-lo.
A "era de ouro" do sindicalismo dos anos 80, quando um em cada três trabalhadores estava sindicalizado, há muito que perdeu fulgor. Hoje, nem um em cada dez continua sindicalizado.
Segundo um estudo do Banco de Portugal, entre 1980 e 2010 o universo dos trabalhadores sindicalizados em Portugal caiu 48 pontos percentuais. Ou seja, passou de 59% para 11%.
Após a saída da troika, a taxa de sindicalização continuou a diminuir. De acordo com dados conhecidos do Livro Verde das Relações Laborais, a percentagem de trabalhadores com vínculo sindical baixou, em 2016, para 8,3%. […]
.
Dinis de Abreu in “SOL"

---

Sem comentários:

Publicar um comentário