terça-feira, 28 de outubro de 2014

DE MORRINHANHA !

.
.
Acredita que pode dar vida aos mortos?
Aquele corpo não é um morto. Nunca esteve vivo. Fui eu que o criei. Fi-lo com as minhas próprias mãos a partir de partes trazidas de sepulturas, rebabá.

Trovões e muitos relâmpagos, o condimento dos filmes de terror. Nem todos—em Portugal troveja pouco e é o que se vê.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário