domingo, 26 de outubro de 2014

INDÚSTRIA DA CONSERVA ECLESIÁSTICA

.

[...] O Papa Francisco lançou uma esperança e, na sua prática, mostra-se fiel à Alegria do Evangelho. No entanto, foi-se apercebendo de que os apelos feitos à hierarquia da Igreja não têm tido os frutos desejáveis. Sentiu como estavam activos, na preparação e realização do Sínodo, os funcionários da indústria da conserva eclesiástica, ao ponto de ter de afastar o cardeal Raymond Burke, presidente do Supremo Tribunal da Assinatura Apostólica (Supremum Tribunal Signaturae Apostolicae). [...]

Frei Bento Domingues in "Público"
.

Sem comentários:

Publicar um comentário