terça-feira, 22 de maio de 2018

É PRECISO TER TOPETE !



Lembram-se do caso dos 'vouchers' do Benfica, que se iniciou em Outubro de 2015, após uma queixa de Bruno de Carvalho. e que foi foi arquivado? O Conselho de Disciplina da Federação colocou um ponto final nesse caso em que o presidente do Sporting acusava as águias de ofertas a árbitros, delegados e observadores. O Tribunal Arbitral do Desporto já tinha arquivado o caso em Março desse ano.
Agora, a juíza de instrução criminal do Porto, que tem em mãos o caso “Cashball”, considera que os 60 mil euros que foram apreendidos pela Polícia Judiciária, na semana passada, no gabinete de André Geraldes, director-geral de futebol do Sporting, são do clube de Alvalade, avança o “Correio da Manhã”.
Este montante, que serviria alegadamente para pagar subornos a árbitros e comprar jogadores dos adversários, será proveniente da venda de bilhetes para jogos em Alvalade.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário