domingo, 22 de março de 2015

A ARTE DE BORRAR PAREDES

.

O senhor que se vê na fotografia em cima chama-se Larry Bender e a carrinha ao lado serve para transportar o material necessário ao seu trabalho. Larry é um dos contratados pelo município de Los Angeles para apagar graffiti na cidade. Há 20 anos que faz o mesmo.
Começa às 04H30 da madrugada, antes do trânsito se tornar denso, para poder circular de forma rápida na área de que cuida. Frequentemente, encontra dias seguidos, às vezes durante meses, o mesmo graffiti, no mesmo local. Não desarma e limpa-o, ou pinta-o, com a mesma persistência do psicopata que o desenha. Um deles teve de ser apagado diariamente durante dois anos, de tal maneira que quando deixou de aparecer, Larry ficou preocupado com o que teria acontecido ao rufia.
graffiti é uma chaga urbana do nosso tempo e só lamento que os defensores da prática não tenham a parede das suas casa diariamente cagadas pelos "artistas" que defendem e protegem. Não era fácil controlar a venda de sprays com que o vandalismo é executado? Com um pouco de vontade e imaginação, conseguia-se identificar com rapidez quem impunemente suja o património público e privado.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário