segunda-feira, 29 de novembro de 2010

WIKILEAKS: KADAFI - BEDUÍNO E SEDUTOR

.
A WikiLeaks”, organização dedicada a divulgar segredos oficiais, por meios não completamente esclarecidos teve acesso a 250.000  telegramas diplomáticos trocados entre embaixadas dos Estados Unidos e o Departamento de Estado. Tais documentos, agora revelados pela imprensa internacional, têm informação da mais variada ordem, desde a colaboração da Coreia do Norte com o Irão, fornecendo-lhe tecnologia para a construção de mísseis de longo alcance, até ridículos pormenores de boudoir.
Para dar ideia da matéria, reproduzo a seguir excertos do telegrama enviado para os EU pelo embaixador americano em Tripoli, antes da ida de Kadafi à Assembleia Geral da Nações Unidas, em Setembro de 2009. É um exemplo de matéria de lana-caprina que, pelo ridículo que contém, já devia ter sido publicada há mais tempo, para nossa diversão.
(Os asteriscos substituem nomes, tal como no original, por razões óbvias)

.
Cabeçalho do telegrama da Embaixada amerivcana na Líbia
. 
.
.
Quando ***** começou a procurar instalações para alojar Kadafi,  informou-nos que o líder tem de ficar no primeiro andar do edifício que seja arrendado para o efeito. (*****, por outro lado, disse a funcionários de Washington que Kadafi não pode subir mais de 35 degraus). ***** referiu ter sido esta necessidade a razão porque a residência em Nova Jersey foi o local de escolha para a instalação, em vez da residência da PermRep Líbia em Nova Iorque. ***** procurou também local com espaço para a tenda beduína de Kadafi, seu local tradicional para receber visitas, uma vez que constitui maneira não verbal de fazer ver que é um homem próximo das suas raízes culturais.
.

.
O facto de Kadafi não gostar de voos longos e ter medo de voar sobre água, também causou dores de cabeça aos colaboradores. Quando se discutiu o plano da viagem, ***** explicou que a delegação líbia iria chegar vinda de Portugal, dado que Kadafi “não pode voar mais de oito horas” e necessita de pernoitar na Europa antes de continuar a viagem para Nova Iorque. Presumivelmente pela mesma razão, Kadafi pediu uma paragem na Terra Nova, na viagem da Venezuela para a Líbia em 29 de Setembro. [Nota: O Governo do Canadá confirmou recentemente que a delegação líbia cancelou os planos de parar na Terra Nova. Fim de nota]

.
Finalmente, Kadafi depende grandemente da sua antiga enfermeira ucraniana, Galyna Kolotnytska, descrita como uma “loura sensual”. Do tão falado grupo de quatro enfermeiras ucranianas que cuidam da saúde e bem estar do líder, ***** ***** ***** salientou a muitas embaixadas que Kadafi não pode viajar sem Kolotnytska, pois só ela “conhece a sua rotina”. Quando o visto de Kolotnytska, por ter sido pedido tarde, só chegou no dia da partida de Kadafi para os Estados Unidos, o Governo da Líbia enviou um jacto privado para a levar a Portugal local da paragem de repouso do líder. Alguns contactos de embaixadas dizem que Kadafi e Kolotnytska, de 38 anos, têm uma relação romântica. Embora não comentando tais rumores, um funcionário político ucraniano confirmou que as enfermeiras “vão para todo o lado com o líder”.

Uma maravilha tudo isto! Um parolo daqueles, ditador há 40 anos, com pretensões de beduíno, não pode subir mais de 35 degraus, voar mais de oito horas, ou prescindir da loura ucraniana sensual, a única que conhece a sua rotina! Estamos todos a ver a rotina. Grande estupor!...
.

Sem comentários:

Publicar um comentário