sexta-feira, 23 de março de 2018

SABER VS "WISDOM"

,
Aumenta a sabedoria com a idade? Sabedoria, neste caso, no sentido da Psicologia Social, o que os anglo-saxónicos chamam wisdom, um misto de sabedoria e sensatez. É controversa a matéria. Oscar Wilde escreveu um dia: "Com a idade, vem a sabedoria; mas, às vezes, a idade vem sozinha".
Há pontos de vista, como em quase tudo. Por exemplo o da mãe a quem o filho diz "Mamã, quando for grande quero ser um homem", e ela responde: "Não sejas tonto, meu filho, não podes ser duas coisas ao mesmo tempo".
A Psicologia Social, no sentido do inglês wisdom, é muitas vezes minimizada, considerada a arte de confirmar coisas que as avós nos ensinaram. Não é, mas também não é uma ciência como as ciências clássicas. É, como referido, um misto ou conjunto de conhecimento e sensatez, o saber viver, que não se ensina — ou, melhor, normalmente não se sabe ensinar. Aprende-o quem tem perfil psicológico para aprender, quase sempre como autodidata.
Ernest Hemingway, que se saiba, nunca fez estudos especializados de Psicologia Social e, no entanto, foi capaz de captar e exprimir de forma profunda e inspirada muitos problemas humanos e de Psicologia Social.

Sabedoria, diria Bill Clinton, é o wisdom, estúpido!
.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário