sábado, 29 de março de 2014

MAIS CRISTÃOS QUE CRISTO ? NÃO ! DE TODO !

.
Anselmo Borges publica hoje, na sua crónica do "Diário de Notícias", a síntese de algumas respostas de dioceses alemãs ao inquérito enviado pelo Papa. Parece-me tudo certo no que ali se diz e só uma hierarquia anquilosada e beata é que não concorda. Das respostas referidas, saliento a da diocese de Münster: "Entre os ideais católicos e a prática católica cavou-se um abismo." 
Ecco!...

Gandhi disse um dia: "Gosto do vosso Cristo; não gosto dos cristãos. Vocês, cristãos, não são como o vosso Cristo". Qualquer que seja a religião que se professa, ou mesmo quando não se professa nenhuma, é consensual que Cristo foi um inovador ético e social. Infelizmente, o que ensinou foi sendo deturpado passo a passo, com avanços e recuos, transformando-se numa abencerragem burocrática e, paradoxalmente, nada cristã.  O resultado está à vista: na resposta da diocese de  Osnabrück, diz-se—preto no branco—"Cada vez mais pessoas abandonam a Igreja". Não era de esperar outra coisa.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário