domingo, 23 de março de 2014

PREGAS NO PEITO E RUGAS NO COLARINHO


.
O inglês é de Didcot, "mascavado", mas Valerie Jamieson explica muito bem como funciona a força da gravidade, dependente da deformação do espaço provocada pelos corpos nele presentes. A maçã deforma a toalha e a bola de ping-pong, quando cai na parte deformada, é atraída pela maçã. Todos esses fenómenos criam ondas no espaço, maiores que a onda gigante da Nazaré.
Depois mostra o que foi a grande descoberta recente da Cosmologia, coisa já antes suspeitada, mas só agora confirmada. Quando ocorreu o Big-Bang, a expansão do universo foi de tal modo rápida que ocorreram "pregas" no espaço, como mostra com a toalha—chamam-se ondas gravitacionais, pela razão que se explicou atrás. Posteriormente, ao expandir-se o espaço, as pregas atenuaram-se, mas deixaram marcas que foram agora detectadas. Essa foi a grande descoberta, ao confirmar aquilo que era só teoria até aqui.
Valerie é doutorada em Física de Partículas por Oxford e editora da revista "New Scientist". E tem uma pronúncia pior que Jorge de Jesuso Tribuno.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário