quarta-feira, 17 de agosto de 2011

OS ILUMINADOS

.
Numa entrevista ao “The Guardian”, Gorbatchev lamenta não ter saído mais cedo do Partido Comunista da União Soviética. É bom ter reconhecido a pessegada em que estava metido. Mas muito melhor teria sido nunca lá ter entrado.
Todos devem mudar de opinião depois de ver a luz. O que não se compreende é como a luz escapava, e ainda escapa, a tantos comunistas. Não foi só Gorbachev a ser iluminado. O nosso torrão pátrio está cheio de gente que só viu o caminho depois de anos de militância valente e convicta. Aquilo é mais fruto do coração que da razão – sem qualquer dúvida. Tem cura, mas é difícil.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário