quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

PALAVRAS COM QUE SE ESCREVE A HISTÓRIA

.

O Governo português, Portugal não vai pedir nenhuma ajuda financeira, nenhuma assistência financeira, pela simples razão que não é necessário.
José Sócrates
"Entre vir ou não vir o FMI, há um país que perderia o prestígio."
José Sócrates
"Eu já ouvi o primeiro-ministro [José Sócrates] dizer, infelizmente, que o PSD quer acabar com muitas coisas e também com o 13.º mês, mas nós nunca falámos disso e isso é um disparate."
Pedro Passos Coelho
"Se soubesse como o país ia ficar, não fazia a Revolução."
Otelo Saraiva de Carvalho
"Se, seja por que razão for, eu não puder ser nomeado presidente da Assembleia da República, renuncio imediatamente ao mandato de deputado. Não serei só um deputado."
Fernando Nobre
"Não há exemplo de alguém ter feito tanta coisa tão mal feita em tão pouco tempo. José Sócrates vai para o Guinness."
Belmiro de Azevedo
"Devíamos vender o ouro que anda ao pescoço dos santos nas procissões."
D. Manuel Martins, ex-bispo de Setúbal
"Daqui a uns meses vou-me embora... Vou-me embora deste país de merda que me dá náuseas. Ponto final!"
Sílvio Berlusconi
"As medidas que constam deste orçamento são minhas, mas o défice não é meu."
Pedro Passos Coelho
"Para pequenos países como Portugal e Espanha, pagar a dívida é uma ideia de criança. As dívidas dos Estados são por definição eternas. As dívidas gerem-se. Foi assim que eu estudei."
José Sócrates
"É de temer que um dia destes a troika se renda incondicionalmente ao malthusianismo e apresente um plano de diminuição, talvez em um terço, da população portuguesa."
Rui Pereira
"O Governo é tão democrata-cristão como Bin Laden."
Manuel Carvalho da Silva
"O euro é uma jangada prestes a afundar-se."
Dominique Strauss-Kahn
“A partir de 2013 todos estaremos mais confiantes de que Portugal terá dobrado o cabo das tormentas."
Pedro Passos Coelho
"Portugal desceu ao túmulo."
Eduardo Lourenço
(Fonte: “Diário de Notícias”)
.

Sem comentários:

Publicar um comentário