sábado, 27 de setembro de 2014

HOJE É O DIA DA MASSA

Einstein em 1905

Neste dia, 27 de Setembro, em 1905, há 109 anos, Einstein publicou na revista Annalen der Physik um artigo intitulado "A Inércia de um Corpo Depende do Seu Conteúdo em Energia?". Era o quarto que submetia à mesma revista—o primeiro sobre o efeito foto-eléctrico, o segundo com a prova experimental da existência do átomo e o terceiro sobre a teoria da relatividade.
Nesse quarto paper surge pela primeira vez a noção de que massa e energia são equivalentes, o que está expresso na equação E = mc^2, ou seja, energia é igual à massa de um corpo multiplicada pelo quadrado da velocidade da luz (cerca de 300 mil quilómetros por segundo).
Na explosão da bomba atómica, por exemplo, os núcleos do urânio são "partidos" ou cindidos, originando menos matéria. A diferença é libertada sob a forma de energia que corresponde à massa que "desaparece" multiplicada pelo enorme valor da velocidade da luz elevado ao quadrado—é muita energia!
Curiosamente, no artigo referido a equação não era assim. Einstein escreveu o conceito por extenso e—em alemão—dizia: se um corpo liberta a sua energia(L) sob a forma de radiação, a massa diminui L/V^2, em que V é a velocidade da luz. Vem dar ao mesmo: se fosse uma equação, seria m = L/V^2, donde L = mV^2.   
.

Sem comentários:

Publicar um comentário