segunda-feira, 30 de setembro de 2013

O POVO É SERENO

.

Passos Coelho promete que vem aí a reforma do Estado. Para o efeito, encomendou a Portas o guião. Este, como dizia no Sábado Filomena Martins no DN, vai empurrando o trabalho com a barriga. O prazo para o tão afamado documento ver a luz do dia acaba hoje e o neófito não aparece. Terá sido vítima de interrupção voluntária da gravidez? Ou nem sequer chegou a ser concebido? Portas não explica. Estará talvez ainda em fase embrionária, embrulhado em papel amarrotado, esquecido no bolso de algum fato do Vice-Primeiro-Ministro. Os portugueses esperam disciplinados!

Sem comentários:

Publicar um comentário