quinta-feira, 26 de junho de 2014

MARAVILHAS DO NOSSO MUNDO

.
.
A fissura de Silfra, na Islândia, é uma fenda formada pelo contínuo afastamento de duas placas tectónicas—de um lado a do continente americano  e do outro a da Eurásia. Local privilegiado para turismo, onde os mergulhadores podem nadar entre a América e a Europa—nalguns pontos conseguem mesmo tocar simultaneamente os dois continentes.
A água é doce e cristalina, proveniente do glaciar Langjökull, água que é filtrada durante 30 a 100 anos por lava vulcânica antes de chegar a Silfra. A visibilidade é superior a 120 metros e os principais pontos  são a Grande Fenda, com apenas 0,5 metros de largura; o ponto mais fundo, com profundidade de 45 m; o Hall de Silfra, de grande largura e onde existe um sistema de caves notável; e ainda a Catedral, com lindas formações de lava.
As visitas de só podem ser feitas com guias mergulhadores do Parque Nacional de Thingvellir, onde se situa a fissura.
.

.

Sem comentários:

Publicar um comentário