domingo, 26 de março de 2017

O MUNDO NÃO ESTÁ LOUCO

.
Quando ouvimos falar de ataques terroristas como os de Londres, muitos dizem: “O mundo está louco.” E continuam a repetir essa ideia quando ouvem notícias de homicídios como o de Barcelos e outras loucuras que nos aparecem em todos os telejornais a todas as horas.
A verdade é que o mundo não está louco. O mundo é louco. Pensar que já houve um tempo em que o mundo era menos louco será ingenuidade, a mesma ingenuidade que leva muitos a crer que o terrorismo é invenção recente — o que é recente é a capacidade de os terroristas, com um carro assassino ou um vídeo cruel, aterrorizarem o mundo inteiro em poucos minutos. Mas o acto em si, essa necessidade de ferir, matar, horrorizar em nome dum qualquer valor muito alto — isso não é novo. [...]
Assim escreve hoje Marco Neves na página "sapo.pt" (ler aqui ). Ao contrário do que se diz, ainda há muita gente que pensa e sabe escrever. O problema é que está "diluída" num mar de banalidade politicamente correcta para que já não há pachorra  NENHUMA  ZERO !

Sem comentários:

Publicar um comentário