sexta-feira, 2 de setembro de 2011

O JARDIM DA MADEIRA

.
Houvesse um pouco mais de respeito pela região e o buraco seria integralmente pago pelos madeirenses. E pago com novas subidas de impostos (só para os madeirenses); cortes nas prestações sociais (só para os madeirenses); cortes nos salários dos funcionários públicos (só para os madeirenses); aumentos do IRC, do IVA, do IMI e de outros impostos (só para os madeirenses); a reintrodução do saudoso imposto sucessório (só para os madeirenses); e, já agora, um "contributo solidário" do próprio dr. Jardim a partir dos seus rendimentos e do seu património. Estou certo de que os madeirenses agradeciam esta oportunidade de emancipação, com o dr. Jardim a ser levado em ombros.

João Pereira Coutinho in "Correio da Manhã"
...

Sem comentários:

Publicar um comentário