quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

CSABA TÖKÖLYI

.

Fotografia dos destroços do navio "Louilla" sobre o rochedo Gordon, Estreito de Tiran, na costa da Península do Sinai. Em baixo, vê-se um monte de correntes da âncora com a forma de baleia. 
Os destroços passaram a fazer parte do ecossistema em pouco tempo. Corais desenvolveram-se rapidamente e passaram a constituir abrigo para peixes. Mas, dada a agitação das ondas, os restos do navio vão-se sumindo com relativa rapidez. No último Verão, parte da estrutura superior colapsou e o conjunto perdeu o look cinematográfico que tinha. Em poucas décadas, ninguém vai perceber que ali aconteceu um naufrágio.
A fotografia aparece hoje aqui porque foi uma das premiadas no concurso  "2017 Underwater Photographer of the Year". O seu autor é o húngaro Csaba Tökölyi.

Sem comentários:

Publicar um comentário