quarta-feira, 25 de Maio de 2011

O MAR TENEBROSO

.
.
Durante a Idade Média, vogavam também extravagantes lendas acerca do Atlântico. As tradições obliteradas pela ignorância davam caracteres fantásticos às antigas viagens dos cartagineses ao longo das costas de África, e às ilhas do mar atlântico. Esse infinito de águas, onde mergulhavam todas as costas conhecidas, povoava-se de monstros e sombras extravagantes; era o Mar Tenebroso! Os homens do norte, que nas suas barcas tinham descido desde os mares gelados do pólo a piratear nas costas da França, foram caindo para o sul; e já no XV Século tinham chegado às Canárias, já comerciavam ao longo da costa africana, para cima do cabo Bojador, onde também, por terra, chegavam os berberes de Marrocos.
As tradições dos geógrafos antigos, idealizadas pela imaginação bretã, tinham dado lugar à formação de lendas maravilhosas. O mar tenebroso era um oceano de luz, semeado de ilhas verdes onde havia cidades com muralhas de ouro resplendente: ao cabo das longas e perigosas viagens estava o paraíso terreal. Para os geógrafos árabes, menos fecundos em fantasias, o mar tenebroso era uma vasta e infinita campina, a acabar num caos de nevoeiros e vapores aquosos; e, «ainda que os mareantes, diz Ibn-Khaldún, conheçam os rumos dos ventos, não havendo, para além, país algum habitado, perder-se-ão irremediavelmente, porque o limite do oceano não é outro, senão o próprio oceano».

Oliveira Martins in “História de Portugal”
.

10 comentários:

  1. aiiiiiiii q chato ñ estou nem um pouquinho apavorada!!

    ResponderEliminar
  2. Se olhar para a figura, vê o que lhe pode aparecer na água da praia da Caparica! No seu lugar, tinha um nadinha de medo.

    ResponderEliminar
  3. to estudandO isso na escola me ajudou muito

    ResponderEliminar
  4. Muuuuito texto! E aposto que metado não interessa..enta reduzir um pouco mais o texto ou faz um esquema deve ajudar +(dicaaa).

    ResponderEliminar
  5. seria bom mais resumido

    ResponderEliminar
  6. Caros alunos realmente o texto não está completo, pois esta lenda é muito complexa, cada autor tem sua tese fictícia, mas
    é um resumo de boa qualidade. No texto acadêmico, nada mais é que uma situação que a levaram os portugueses e espanhóis a lançarem-se ao atlântico dado ao motivo de em 1794 os turcos terem fechado as fronteiras de relações comerciais
    com ás Índias pelo mar Mediterrânio, assim sendo já era de interesse lusitanos a aventurarem pelo oceâno atlântico encontrando as américas.
    Fica minha dica: leiam o livro de Gilberto Freire " Raízes do Brasil" é uma verdadeira obra literária e cultural.
    atte. Professor, Mestre e Doutor pela USP - MACEDO Fabio

    ResponderEliminar
  7. calma meu povo o o basico tudo começo no seculo xv xvi quem esta

    ResponderEliminar
  8. não é muito bom mas da para tirar nota,mesmo sendo um resumo da história original está muito bom mesmo.

    ResponderEliminar