terça-feira, 17 de janeiro de 2012

FRANCESCO SCHETTINO CAPITÃO DO COSTA CONCORDIA

.
Diálogo entre a Guarda Costeira italiana e o capitão do navio naufragado "Costa Concordia", segundo o Daily Telegraph:
.
Guarda Costeira para o capitão (que já tinha abandonado o navio): Alô. Fala De Falco, de Livorno. Estou a falar com o capitão?
Capitão para a Guarda Costeira: Sim. Boa-noite Capitão De Falco.
Guarda Costeira: Fala De Falco, de Livorno. Estou a falar com o capitão? Diga-me o seu nome por favor.
Capitão: Sou o capitão Schettino.
Guarda Costeira: Schettino? Ouça Schettino, há pessoas retidas a bordo. Você deve ir no seu salva-vidas por baixo e ao lado da proa do navio. Há uma escada. Suba a escada e vá para o navio. Vá para bordo e diga quantas pessoas lá estão. Ficou claro? Estou a gravar esta conversa, capitão Schettino.
Capitão: Capitão, deixe-me dizer-lhe uma coisa…
Guarda Costeira: Diga!
Capitão: O navio, neste momento…
Guarda Costeira: Capitão, fale. Ponha as mãos em volta do microfone e fale mais alto, percebe?
Capitão: Neste momento, o navio está adornado.
Guarda Costeira: Entendido. Ouça, há pessoas a descer a escada da proa. Volte atrás, na direcção oposta, volte para o navio e diga-me quantas pessoas há e o que têm a bordo. Entendido? Diga-me se há crianças, mulheres e que tipo de ajuda precisam. E diga-me quantos são destas categorias. Entendido? Ouça Schettino, talvez se tenha salvo a si do mar, mas eu vou fazê-lo sentir-se muito mal. Fá-lo-ei pagar por isto. Danado!
Capitão: Capitão, por favor…
Guarda Costeira: Não há favor sobre isto. Vá para bordo. Garanta-me que vai para bordo.
Capitão: Estou num salva-vidas, por baixo do navio. Não fui a lado nenhum. Estou aqui.
Guarda Costeira: O que está você a fazer?
Capitão: Estou a coordenar.
Guarda Costeira: O que está você a coordenar aí? Vá para bordo e coordene o salvamento lá. Está a recusar?
Capitão: Não, não estou a recusar.
Guarda Costeira: Está a recusar ir para bordo? Diga-me porque não vai.
Capitão: Não estou a ir porque o salva-vidas parou.
Guarda Costeira: Vá para bordo. É uma ordem. Precisa de continuar o salvamento. Você pediu a evacuação, agora sou eu que dou ordens. Você deve ir para o navio. Está entendido?
Capitão: Capitão.
Guarda Costeira: Está a ouvir-me?
Capitão: Estou a ir.
Guarda Costeira: Vá. Ligue-me quando estiver a bordo. A minha equipa aérea de salvamento está aí. Está na proa. Vá indo. Já há cadáveres, Schettino. Mexa-se!
Capitão: Quantos mortos há?
Guarda Costeira: Não sabemos. Tenho conhecimento de um. Você tem de me dizer isso. Cristo!
Capitão: Mas entende que está escuro e não se vê nada?
Guarda Costeira: E o que é que quer? Ir para casa, Schettino? Está escuro e você quer ir para casa? Vá para a proa do navio e diga-me o que pode ser feito, quantas pessoas estão lá e do que precisam. Agora!
Capitão: Estou aqui com o segundo-comandante.
Guarda Costeira: Desculpe?
Capitão: Estou com o segundo-comandante. O nome dele é...
Guarda Costeira: Então vão os dois para bordo. Ambos. Qual é o nome do segundo?
Capitão: Dimitry.
Guarda Costeira: Dimitry quê?
Capitão: Dimitry…(pouco claro)
Guarda Costeira: Você e o seu segundo-comandante vão e subam a bordo. Agora. Entendido?
Capitão: Capitão, eu quero ir para bordo, mas o salva-vidas parou o motor e está à deriva e eu chamei outros salvadores.
Guarda Costeira: Há uma hora que me está a dizer isso. Agora vá para o navio. Vá para bordo. E diga-me quantas pessoas lá estão.
Capitão: OK Capitão
Guarda Costeira: Vá já!
.
Como é do conhecimento geral, o capitão Schettino não voltou ao navio e foi visto a abandonar o local de táxi!
.

Sem comentários:

Publicar um comentário