terça-feira, 28 de julho de 2015

A PÁTRIA DOS EUROPOULOS

.

Há coisas inenarráveis neste mundo—nascem vitelos com duas cabeças, lagartixas sem rabo e águias com turbo-reactores no lugar das asas, por exemplo. Hoje a revista "Time" revela mais um desses fenómenos: a Grécia vai receber um empréstimo (mais um) de 86 mil milhões de euros e na helénica república, terra de Sócrates (não é esse!) e mãe da democracia, os descendentes dos adoradores de Zeus, em 2014, sonegaram ao fisco 78 mil milhões de euros. Não sei como está o câmbio do antigo talento de ouro, mas devem ser muitos talentos, seguramente.
Se os fugafiscoulos e os trapalhãopoulos dedicassem os talentos de que são possuidores a produzir riqueza em vez de aldrabar incautos, tinham capital para financiar a Alemanha, a França, quiçá até a Rússia do amigo Putin que está falido.
Mas o problema está no ADN dos trampolinopoulos—nasceu com eles e não há selecção darwiniana que o resolva. Nem Schäuble consegue quanto mais a natureza!
.

Sem comentários:

Publicar um comentário