segunda-feira, 27 de julho de 2015

EH . . . EH . . . EH . . .

.
.
E como qualificar um homem que entra em nossa casa, senta-se à mesa, aceita o prato que lhe dão, não pára de cuspir para o chão e, ainda assim, recusa-se a sair e ainda se diz vítima da situação?
.

Sem comentários:

Publicar um comentário