domingo, 24 de novembro de 2013

A MIM NÃO ME ENGANAS TU

.

O Governo insiste em afirmar que não tem plano alternativo para o caso do diploma sobre a convergência das pensões ser chumbado no Tribunal Constitucional. É claro que é mentira. Se numa situação destas ninguém no executivo tivesse pensado em tal coisa, só isso era razão bastante para o demitir já.
A artimanha é infantil. Pretende pressionar o Tribunal, dizendo aos conselheiros que, se chumbam o diploma, desencadeiam um dilúvio. Além de infantil, toma os juízes por parvos. Antes dos meninos ministros terem nascido, já os meritíssimos andavam por cá há anos. A táctica chega a ser insolente—não a merecer o chumbo, mas um zagalote bem apontado. Se possível, no traseiro ministerial.

Sem comentários:

Publicar um comentário