segunda-feira, 22 de abril de 2013

ZÉ SAPATILHAS

.


Sócrates teve esta semana 757 mil telespectadores, quando na semana anterior tinha chegado aos 978 mil. Já vai em menos de metade do Professor  Martelo. Acho espantosos tais números—não por diminuírem, mas por ainda haver tanta gente que perde tempo a ouvi-lo.
Sócrates é um medíocre a tentar sobreviver, depois de todas e expectáveis burrices que fez. Não sabe música, mas toca de ouvido. Desafina e quer que as fífias pareçam intencionais variações ao tema, qual intérprete inspirado de Jazz. É provinciano até dizer basta. Ainda não desmamou da condição de frequentador  de tertúlias tacanhas de meios pequenos, a sonhar tornar-se em personagem nacional.
Infelizmente, tornou-se. O resultado está à vista. E há quem continue a alimentar a ambição.
.

Sem comentários:

Publicar um comentário